quinta-feira, 1 de abril de 2021

 

O mês assumido da primavera! Os dias ficam mais longos, mais quentes, mais soalheiros e a vontade de chamar pelo verão é muita! Março foi infinito mas, quando me recordo do mesmo mês no ano passado, foi muito mais doce. 


Decidi testar um dos cremes de proteção solar de rosto mais amados de sempre e também eu converti-me. Tem SPF50+, uma velocidade de absorção estonteante e não deixa a pele com nenhum brilho, perfeito para o rosto. O cheirinho é divinal e, embora seja uma embalagem pequena, a fórmula aguada permite que não seja necessário muito produto para cobrir todo o rosto e é ótimo para levar na mala. Encontram uma review mais detalhada — e uma dica de compra — aqui!


Se este creme tivesse um filho-creme de mãos, seria este da Nívea. Não tenho necessidade em manter o creme de rosto da Cien em tempo primaveril, mas o creme das mãos sim, especialmente com os desinfetantes. Adoro este creme de mãos porque alivia muito a pele seca, tem um efeito muito hidratante e um cheiro incrível. Mas alerto que demora algum tempo a absorver. Costumo passar uma camada bem generosa antes de dormir e já vou na segunda embalagem, de tanto adorar!
E as saudades que eu tinha de ter favoritos neste segmento? Vocês também? São duas sugestões que só nutrem a alma, mas também sabe bem ter algumas indulgências. A primeira de todas, a parceria entre o Continente e a Dunkin’ Donuts. Até então, só podíamos comer donuts desta marca além-fronteiras — algo que aproveitava com muito gosto! — mas agora existem quatro variedades que podemos provar! Eu poupei-vos algum tempo (e dinheiro!) e fizemos cá em casa uma prova de todos os sabores. Veredito? O melhor de todos é o Boston Kreme, um dos donuts que costumava fazer parte da nossa seleção quando visitávamos uma loja. O segundo lugar vai para o de Cheesecake — se gostam de sabores mais suaves e doces, é a opção, ideal. Ainda assim, sonho com o dia em que vêm para cá os donuts com doce de leite — os meus preferidos!
 

Confinamento é sinónimo de experiências culinárias e decidimos testar uma receita de... KFC! E o resultado foi totalmente delicioso e muito, muito semelhante ao da cadeia de fast-food (atrevo-me a dizer que o sabor é igual)! Pensei em partilhar a receita mas não sei se há fãs por aí — ou gulosos que queiram experimentar?


Matilda
_________________

"(...) a história é muito semelhante à adaptação (...)
Para quem desconhece a história, Matilda conta 
a história da menina que protagoniza o título, 
dotada de capacidades cognitivas extraordinárias 
e altamente negligenciada pelos seus pais. É na 
escola que a criança explora todo o seu potencial, 
mas a instituição é chefiada por uma insuportável 
diretora que testa a força capilar dos miúdos 
— e a sua saciedade com bolos de chocolate!"

REVIEW COMPLETA


Brainfluence
_________________

"Roger Dooley explora de que forma é que determinadas 
estratégias, palavras, imagens ou caracteres 
operam no nosso cérebro e influenciam ou até 
determinam uma decisão. O marketing pode não
 ser uma ciência exata mas o comportamento 
humano é muito previsível e, quando estudado, 
podemos retirar insights muito interessantes 
para antecipar qual será a reação do consumidor 
a um produto, serviço ou campanha."

REVIEW COMPLETA


Miguel Esteves Cardoso: 
as 100 melhores crónicas
_________________

"O comportamento humano, retratos de Portugal, 
tradições e até a dissecação das emoções está 
presente nesta edição que me parece a sugestão 
perfeita para quem quer introduzir-se à leitura 
de Miguel Esteves Cardoso — que melhor forma 
de começar que não um best of? —, mas também 
para quem quer uma compilação do que de melhor 
foi escrito por uma das figuras públicas mais 
carismáticas e interessantes que o nosso país 
já conheceu."

REVIEW COMPLETA

Messiah
_________________

"Messiah reúne alguns fatores que eu acho muito 
pertinentes, como o enquadramento desta história 
na atualidade, com o poder das redes sociais e 
opinion makers, mas também por levantar questões 
que nos colocam a refletir durante muito tempo 
depois do episódio ter terminado. Não dá para 
ficar indiferente a esta produção muito bem feita: 
ou despertará o vosso interesse ou tumulto, e 
talvez seja essa a razão — e outras questões de 
cariz político e espiritual — para a série ter 
gerado tanta polémica no Médio-Oriente."

REVIEW COMPLETA


Into the Night
_________________

"Um soldado armado invade um avião comercial 
e provoca o pânico de todos os passageiros ao 
ordenar que o avião descole o mais depressa 
possível. O destino? Oeste, na tentativa de fugir 
do Sol que, por razões inexplicáveis, está a 
causar a morte da população."

REVIEW COMPLETA

Parece surreal que só agora é que tenho um tripé e de um comando para fotografar à distância. Aliás, estes favoritos nem são relativos aos produtos em si mas sim por finalmente ter este material comigo e que tanto me vai ajudar não só a fotografar novos ângulos das coisas que gosto de partilhar, mas também autorretratos. Gostava de ‘me’ partilhar mais no meu perfil, as minhas escolhas de visuais, e sinto que estes dois amiguinhos vão ajudar-me nessa tarefa!

Não costumo partilhar os meus conteúdos favoritos, mas sinto a necessidade de contrariar isso e de partilhar esta crónica do Leandro Alvarez, chief creative officer da Lola Normajean: ‘Nunca quis ser um criativo de bem’. Explora o quanto é diferente — em tudo na vida — ter uma abordagem de bem e uma abordagem do bem. E na publicidade e marketing não é exceção. Temos a tendência para observar a publicidade com uma conotação negativa ou manipulativa, mas muitas das iniciativas do bem também podem começar com uma campanha.


Uma das minhas vontades para 2021 é atrasar o mais possível o contacto com o meu telemóvel de manhã. Às vezes, dava por mim a desligar o despertador e, quase de forma inata, a navegar logo por todas as apps, a ler e-mails, ver mensagens (...). Não é assim que quero acordar, em sobressalto total, com a sensação de que estive a dormir enquanto tudo acontecia. Então decidi comprar um despertador e este é o relógio mais simples do mundo mas funciona na perfeição. Diz a hora, data, temperatura, tem três alarmes disponíveis e o mostrador é ativado através do toque ou do som. Gostei imenso do design a imitar madeira, acho que combina na perfeição com a linha do meu quarto. E o telemóvel? Desligo o wi-fi, envio mensagem de boa noite e deixo na outra ponta do quarto. De manhã, acordo com o meu despertador, tomo o meu chá, leio um pouco e só depois é que entro com calma no universo digital. Tem feito a diferença, para mim!


playlist
______________________________

Março pareceu durar uma vida mas trouxe coisas deliciosas consigo. Oficializou os dias de primavera, os primeiros coordenados de manga curta e calçado sem meias, as primeiras refeições à varanda e os passeios pelo campo.


Conversei com a Sofia para o seu podcast, jantei sushi em família, recolhi ótimos frutos do meu trabalho, li deitada na relva e superei um pequeno medo. As nossas remodelações do jardim estão de vento em popa e estamos desertos para que tudo fique pronto para receber o verão em glória!
 

Em março, mantive o foco no treino, celebrei aniversários das minhas pessoas, continuei a apostar na minha aprendizagem e aproveitei os dias quentes para desfrutar do meu primeiro banho de sol.
 

Comprei flores, celebrei 700 mil visitas no Bobby Pins — surreal! — e refugiei-me nos filmes e nos livros para encontrar formas de viajar para outros mundos e fronteiras. Foi um mês cansativo mas sempre com pausas reparadoras. É inegável que este clima mais alegre ajudou a espevitar a auto-estima.
 
Abril, traz esperança.

6 comentários:

  1. De onde é o relógio? É super bonito.
    E da minha parte é um sim para a receita de KFC! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É do Aliexpress mas já vi à venda igual na Ale Hop :)

      Eliminar
  2. mega yay para o teu tripé! Tão estáticos e quietinhos mas são sempre uma ajuda enorme, ansiosa por ver os teus autorretratos maravilhosos! E queremos receita KFC, óbviooooo! Feliz, Abril, querida Inês! <3

    ResponderEliminar
  3. Olá Inês
    Esta rubrica é a minha preferida :)
    Uso o FusionWater da Isdin todos os dias há anos, vá agora no confinamento não! Mas não saio de casa sem o colocar no rosto, é fantástico! Já experimentei alguns e nenhum se compara. Um dica: vai agitando a embalagem, pois mais para o final, se não for agitado, começa a ficar com pequenos grumos.
    Também ando a evitar as redes sociais durante a manhã mas como uso o telemóvel como despertador, torna-se muito complicado... Já tinha andado há procura de despertadores mas nada me agradou. De onde é esse bonitinho em madeira? :)
    E essa bolsinha bege para as canetas?

    Obrigada e um beijinho
    Sofia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Sofia! Muito obrigada pela dica! O relógio é do Aliexpress mas já vi à venda igual na Ale Hop :)

      Eliminar
  4. Que belos favoritos! Gostei muito de ouvir a tua conversa com a Sofia no podcast, beijinhos!

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)