quarta-feira, 25 de maio de 2022

PASSAPORTE | Dicas e Factos Sobre a Suíça II


1. Em Zurique, os horários mais comuns de funcionamento são das 9h às 17h30/18h, e a vida só acontece nesse período de tempo. É difícil encontrar cafés, pastelarias ou outros serviços antes das 9h da manhã e, na verdade, este horário não é fiável, já que muitos negócios criam os seus próprios horários. Ao domingo, a maior parte dos museus, lojas e serviços estão encerrados, mas tenham em atenção que à segunda-feira a cidade fica muito parada também, só reabrindo, em muitos lugares, às 11h da manhã de terça. Em geral, senti que Zurique não está adaptada – e não tem interesse nisso – para o turismo, criando os seus próprios horários e rotinas. É importante que se adaptem, se tiverem viagem marcada para lá. 

2. Para a deslocação do aeroporto até ao centro de Zurique, a nossa recomendação são os S-Bahn. São uma das opções mais baratas, é extremamente eficiente e em 10-15 minutos chegam ao centro da cidade. Aliás, os transportes públicos são muito eficientes e uma excelente opção para se deslocarem. 


3. Nas zonas mais campestres da Suíça e em pequenas cidades, vão encontrar muitas lojas minúsculas e ‘perdidas’ nas estradas ou no meio do nada, com produtos de origem local/artesanal. Queijos, ovos, vinhos e outros produtos estão expostos numa espécie de cabine e qualquer pessoa pode servir-se da quantidade necessária e deixar o dinheiro na caixa designada para o efeito. Todas essas lojas têm os preços tabelados e não existem quaisquer funcionários! Algumas – muito poucas – têm câmaras de vigilância, mas a maioria depende única e exclusivamente da boa fé dos consumidores. 


4. Se visitarem o país em época baixa, recomendo muito que levem roupa quente e que façam coordenados com boas camadas. O frio é mais seco do que em Portugal, mas não deixa de ser rigoroso. Para esta viagem, levámos camisolas térmicas, leggings térmicas para ski, meias para ski e aquecedores de mãos (tudo comprado na Decathlon). O truque para não se sentirem claustrofóbicos é vestirem coordenados fluidos por cima, evitando skinny jeans, por exemplo. E não se esqueçam de luvas, gorro e cachecol. 


5. A Catedral de São Pedro, em Zurique, tem o maior mostrador de relógio da Europa!


6. Algumas das especialidades da Suíça são o fondue de queijo (claro!), a raclette, o cordon bleu, schnitzel (panado de porco), rösti (uma tortilha de batata), Älplermagronen (uma massa gratinada que leva batata, natas, queijo e maçã) e o Brezelkoenig (o típico pretzel, mas com sementes de abóbora no topo). Na verdade, para todos estes pratos e iguarias, existem variações mais adaptadas para turistas, principalmente do pretzel, com mil e uma combinações. A comida, em geral, é muito composta por queijo, batata, molhos, saladas quentes, sopas e fontes de proteína (carnes ou salsichas). 

7. No entanto, uma das iguarias mais celebradas na Suíça é o chocolate, com algumas das marcas mais célebres do mundo a ter a sua origem neste país (Nestlé, Lindt, Toblerone… já estão com água na boca)? 


8. Um dos cantões suíços – Appenzell Innerrhoden – teve a última jurisdição da Europa a conceder o direito de voto às mulheres. Sinto que vão surpreender-se com o ano em que isto aconteceu: 1991. Um facto triste na História do país.

9. Embora a Suíça utilize o relógio de cuco como um símbolo tradicional do país, a sua origem vem da Alemanha, mais precisamente da Floresta Negra. Acredita-se que a ocupação alemã trouxe esta arte para o país e assim permaneceu.


E assim terminamos esta viagem pela Suíça! Que saudades de viajar convosco e de partilhar experiências com a minha mala rosa. Para onde será o próximo destino?

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Já lá estive, em Ponta Delgada! Amei e quero voltar, sem dúvida :)

      Eliminar
  2. Sempre tive um pé atrás com a Suíça; ao ler o ponto 8, fico com 2.

    ResponderEliminar
  3. Espero que viajes em breve para nos trazeres mais fotos e factos importantes sobre os locais. Adorei as fotos e as informações que partilhaste. Obrigada! ❤

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)