quarta-feira, 20 de abril de 2022

PASSAPORTE | Lindt Home of Chocolate


Quando pensamos na Suíça, há uma palavra deliciosa que logo nos invade a mente: chocolate! É uma das iguarias mais associadas ao país e o local de nascimento de muitas das marcas de chocolates que nós mais adoramos. Uma delas é a Lindt, lendária pelos seus bombons Lindor e que escolheu a rua perfeita – Schokoladenplatz! – para edificar um museu totalmente dedicado ao chocolate: o Lindt Home of Chocolate. 


Se dúvidas existissem quanto ao que esperar do museu, o aroma doce no ar e a gigantesca fonte de chocolate no átrio antecipam de imediato que será uma experiência deliciosa e interativa. Os áudio guias acompanham-nos pelas várias salas onde conhecemos um pouco melhor a história do chocolate, desde a sua origem e popularidade junto da nobreza Europeia, ao nascimento de grandes marcas como a Lindt, Sprüngli, Nestlé, Toblerone, entre outras. Como é que o chocolate se tornou numa herança cultural da Suíça é uma das perguntas a que o museu tenta dar resposta, enquanto nos deliciamos com plataformas interativas, embalagens históricas de chocolate e um cheiro promissor no ar. 



O ex-libris desta experiência está, sem dúvida, reservado para um fim, onde entramos numa sala de degustação dos chocolates Lindt. São três fontes de chocolate (negro, leite e branco) para experimentar sem limites (ou ao limite do vosso bom senso!) e outras tantas máquinas que libertam na vossa mão vários quadrados de chocolate com sabores e especiarias diferentes para (a)provarem e identificarem as diferenças. E como se tudo não bastasse, ainda mesmo antes de saírem, esperam por vós milhares de bombons Lindor para levarem à descrição – com sabores que ainda não tinha encontrado, em Portugal. 



Se ainda assim a gula não ficar satisfeita, podem trazer alguns souvenirs deliciosos da maior loja Lindt do mundo, localizada mesmo ao lado da fonte e onde os embrulhos coloridos dos bombons dão vida às prateleiras. Este é, na verdade, o roteiro mais simples desta visita – e o que nós fizemos. Mas o museu reserva também vários workshops e atividades onde podem confecionar a vossa própria tablete de chocolate ou até a vossa própria receita. Um bom conselho, caso queiram ter uma visita totalmente imersiva, é explorarem no site toda a programação disponível. 




Este foi, sem sombra de dúvida, um dos museus mais turísticos que visitámos na Suíça, mas por toda a experiência, acreditamos que vale muito a pena ir lá, pelo menos, uma vez (especialmente se adoram chocolate!). Uma última sugestão? Não deixem de provar o chocolate quente e a waffle de chocolate do café do museu. São simplesmente deliciosos!

1 comentário:

  1. Uau! Que bonito. Adoro chocolate, esse local para mim seria o paraíso.

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)