Berlin Postards


Todas as minhas viagens são especiais – e recordo-as com uma vivacidade que nem sempre consigo igualar em outras memórias -, mas sei que Berlim foi uma viagem marcante. Há viagens que vêm no momento certo e que nos dão o que precisamos, e Berlim foi uma dessas viagens. 



Berlim não fez cerimónias para nos receber. Foi gelada, cinzenta e chorosa durante praticamente toda a estadia. Não esquece a sua história, mas segue em frente – mais à frente do que outras culturas europeias com que já me cruzei. 



Nas ruas, encontramos o passado e o presente, misturados entre bairros e zonas. Os monumentos magnânimos estão em harmonia com os bairros mais alternativos, onde há cor, arte de rua e uma ode nostálgica aos anos 90. Entre as ruas de Berlim, podemos fazer várias viagens no tempo. 



É uma capital que evoca a nossa identidade e nos deixa ser nós próprios. Ninguém liga se estamos de cabelo colorido, fantasiados, se exploramos o nosso estilo de forma mais conservadora ou arrojada. A forma como expressamos quem somos é totalmente respeitada.



Berlim é multicultural e muito pouco delicada. Não é feita de detalhes nem de subtilezas. É o que é – e quando o é, mostra-se em grande. Por vezes, deixa-nos assoberbados, mas é uma boa lição de que devemos sempre ser o nosso todo. A nossa identidade não é só feita de pormenores. Que não sejamos só um sussurro do que somos. Tenhamos a voz inteira.

Enviar um comentário

Partilha comigo o teu comentário ou opinião sobre este artigo. Sempre que possível, respondo às perguntas diretamente no comentário. Obrigada por estares aqui :)

Desde 2014

Instagram


P.S: HÁ SEMPRE BOAS NOTÍCIAS AO VIRAR DA ESQUINA
_______________________
Bobby Pins. Theme by STS.