quarta-feira, 6 de abril de 2022

LIVROS | Cain's Jawbone


É impressionante o impacto que uma rede social tem para reavivar um desafio praticamente enterrado nos anos 30! Cain’s Jawbone não é um livro de detetives qualquer; foi publicado em 1934 por um famoso criador de palavras cruzadas, Edward Powys Mathers – mais conhecido como Torquemada

A premissa do desafio, à partida, parece simples: a única verdade que sabemos sobre toda a história de Cain’s Jawbone é que existem 6 vítimas de homicídio. O livro só contém 100 páginas, no entanto, todas estão desordenadas. O nosso objetivo é ler o livro e reordenar as páginas para que a história faça sentido, consigamos desvendar respostas ou confirmar suspeitas. Nada mais é revelado. 

O livro desafia-nos a encontrar o caminho da história e o/s assassino/s das 6 vítimas com um prémio: se completarmos o formulário de contacto que está no interior do livro, respeitando todas as condições da prova, estamos habilitados a ganhar entre 250-350 libras para gastarmos na editora. A prova só está aberta até 31 de dezembro de 2022. 

Em todo o livro encontramos alertas de que este não é um puzzle-literário fácil, e são sensatos conselheiros porque, de facto, o único elemento simples deste livro é a premissa. Desde a sua publicação, só 12 pessoas concorreram com uma solução e apenas 4 estavam corretas (sendo que só um desses participantes é do nosso século, o que é um detalhe ainda mais extraordinário). As estatísticas dizem que existem milhões de combinações possíveis, mas só uma está absolutamente correta. E foi todo este mistério e sentido de desafio que despertou o TikTok e voltou a popularizar um livro que estava totalmente esquecido. Genial, certo? 

Estou sem quaisquer expectativas de terminar o livro em tempo útil de participar no desafio – até porque só tenho oportunidade de pegar nele nas horas de almoço ou nas horas vagas -, mas estou totalmente investida em, no tempo que for necessário, descobrir uma solução. Embora o livro seja bem curto e com uma diagramação ótima para colocarmos apontamentos e notas, demoro imenso tempo em cada página porque o inglês não é coloquial, está repleto de frases com duplo sentido, charadas e referências à literatura, mitologia e botânica. Parece-me absolutamente impossível eu concluir este desafio sem a ajuda do Google e Wikipedia

Não tenho ainda grandes recomendações para partilhar (nem grande autoridade para as fazer, para ser honesta), mas o nosso método tem sido utilizar uma parede para colocar as páginas para as quais já temos ordem e recorrer a mind maps digitais para colocar toda a informação que vamos recolhendo das páginas e personagens – é uma boa ferramenta para fazerem associações entre personagens, editarem e é colaborativa, o grupo inteiro trabalha no mesmo lugar!

Se se sentem corajosos e o Cluedo for um dos vossos jogos preferidos, talvez valha a pena tentar o desafio!

WOOK

Bertrand

Este artigo contém links de afiliada.

1 comentário:

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)