sexta-feira, 4 de dezembro de 2020

DAILY || Christmas Bucketlist 2020


Os desejos possíveis para este dezembro tão atípico. Mas onde o querer, o amor, os detalhes e pormenores natalícios resistem — e isso é tão delicioso de ver. Se era esta a lista programada para dezembro de 2020? Não, mas mudam-se os tempos e adaptam-se as vontades para que, no final, tenhamos um pouco do Natal que tanto amamos. No ano passado, também fervilhava de vontade para fazer algumas das coisas que, acamada, não pude concretizar, portanto, vingar-me-ei com deleite, este ano! 

Fazer uma casa de gengibre 
O nosso desejo de 2019 não se concretizou mas parece ser a atividade perfeita para uma tarde de recolhimento na segurança de casa. A antecipação permanece a mesma; será a nossa primeira casa de gengibre e torcemos para que seja o sucesso da nossa mesa de Natal. 

Roteiro de luzes 
É um dos passeios mais aguardados, quando a cidade ganha um encanto e magia incomparáveis. Os sobretudos bem aconchegados, as mãos dadas dentro dos bolsos, as músicas de Natal a passar pela rua e o caminho criteriosamente planeado para que nenhum elemento luminoso esteja esquecido. 

Encontrar a normalidade 
Ou a familiaridade de alguns dos costumes e tradições do Natal que, bem sei, nem todas se poderão concretizar. Mas espero encontrar alguma da normalidade e rotina anual que, agora, tem um simbolismo ainda mais reconfortante num ano de tantas mudanças.

Assistir a 'Mulan'
O meu filme de princesas preferido da Disney apresenta-se numa versão live-action e, inicialmente, o plano seria assistir no conforto do cinema mas rapidamente se transformou num serão de cinema caseiro. Estreia este mês, no Disney+ e, depois de todas as reviews e notícias relativas à produção, não lhe guardo mais expectativas do que passar um bom serão no sofá com pipocas.

Experimentar novas receitas 
Um desejo que estendi da Fall Bucketlist para o Natal. Se no outono estava totalmente investida nas sopas — uma delícia! —, agora, estou motivada para experimentar alguns chocolates quentes e comidas de conforto. 

Estar presente com presente 
Este é um ano marcado pela ausência forçada e pelo distanciamento encurtado da forma possível. E no Natal, este comportamento será ampliado. Quero muito poder fazer-me estar presente nesta ausência para as pessoas que mais estimo. Sempre adorei enviar postais de Natal mas, este ano, serão ainda mais simbólicos, acredito. 

Christmas movies overdose 
O desejo é simples mas muito querido por mim: empanturrar-me de filmes de Natal. Preferencialmente, com alguma substância — não consigo ver demasiados filmes seguidos da Hallmark — mas sem perder aquela magia e ‘açúcar’ a que já estamos habituados nestes filmes temáticos. Têm sugestões? 

Brunch de Natal 
Uma tradição a dois que começou de forma despretensiosa e que cada vez mais anseio, todos os Natais. Costumamos selecionar um local de excelência para festejar com um delicioso brunch natalício mas talvez, este ano, transportemos a tradição para o conforto de casa. Tudo incluído, como sempre! 

Celebrar o Natal com a família 
Aguardamos todos ansiosamente pelas instruções face aos festejos do Natal para iniciar os primeiros preparativos. Depois de um ano de cuidados e cautelas, o meu maior desejo para o Natal é que eu possa celebrá-lo junto dos meus avós. Guardo pouco rancor a este vírus mas algo que nunca perdoarei é o tempo que me tem roubado deles. Nesta quadra que tanto nos diz, desejo que possamos estar juntos sem que nenhum presente envenenado simbolize esta reunião.

Há planos de Natal por aí?

4 comentários:

  1. Vi ontem "Mulan" e é a prova de que 2020 é, definitivamente, um ano "não". Desapontou-me muito.

    ResponderEliminar
  2. Hello :)
    Opáááá depois de ver um vídeo da Ânia Westood sobre a casinha de gengibre, ando LOUCA a querer fazer uma haha
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Acho que os meus planos passam pelo mais do mesmo, surpreender os meus, ajudar na cozinha e talvez rever harry potter..! (creio que há gingerbread houses para montar na tiger!)

    ResponderEliminar
  4. Também não gostei, não tem a essência do original... Uma desilusão.

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)