sexta-feira, 1 de abril de 2022

 


Março teve tantos ritmos, planos e contornos na minha agenda que eu senti que compilou vários anos em 31 dias. Não foi um mês bonito (literal e figurativamente), mas é por isso que este exercício dos Favoritos traz-me conforto: consigo sempre fazer um balanço das coisas bonitas que passaram e aconteceram por aqui.


Os relógios sempre foram um dos meus acessórios indispensáveis, mas nos últimos anos tinha-os deixado cair em desuso ou a preferir relógios inteligentes – que são ótimos para treinar, mas cuja estética eu detesto. Quando vi esta coleção da Swatch com o Centre Pompidou, soube que ia voltar a ter um relógio que realmente achasse bonito no pulso. 

A minha escolha foi para o modelo Mondrian; não só é um dos meus pintores preferidos – aliás, uma das pinturas dele é o wallpaper do meu portátil no trabalho! -, como era o modelo mais versátil, que conversava com o meu armário e tinha carisma. Adoro os ponteiros, o mostrador simples e a banda com personalidade!


O começo do regime híbrido na agência fez-me sentir a necessidade de encontrar uma pasta para o computador – e as restantes mil tralhas – mais prática. Numa ida ao IKEA, encontrei este modelo Drömsäck que eu achei genial: funciona como uma tote bag mas basta puxarem as alças para se tornar numa mochila, algo que achei super conveniente pela versatilidade. O interior é acolchoado e compartimentalizado para podermos arrumar outros pertences, e a simplicidade da cor combina com todos os coordenados e torna-se office friendly. O melhor de tudo? O preço. O pior de tudo? O Tiktok já a descobriu e está a esgotá-la em todas as lojas. Vale a pena ir mantendo o olho.

Em retrospetiva da Suíça, não posso deixar de vos recomendar o Sternen Grill se quiserem experimentar a típica salsicha bratwurst! Já tinha partilhado que as salsichas não são dos meus alimentos preferidos, mas tinha curiosidade em saboreá-las numa cidade que as venera e são uma refeição incrível para pegar e andar pela cidade! 

Mais saudável – ou, pelo menos, mais doce – são os iogurtes de avelã da Oîkos, que me surpreenderam muito pela positiva! São dos melhores iogurtes que já provei e remetem-me para os deliciosos gelados de avelã. O sabor é suave, cremoso e sem aspeto artificial! Se são fãs dos belos gelato alla nocciola, não deixem de experimentar (quiçá congelar para fazerem deles um gelado, no verão?)


Chamo para esta recomendação todas as minhas velhinhas e velhinhos preferidos que adoravam as cruzadex dos jornais! Chegou uma tendência digital que tem conquistado o mundo: começou com o Wordle, um jogo online onde têm de adivinhar a palavra de 5 letras do dia. Funciona um pouco como o jogo Mastermind: se a letra estiver no sítio certo, recebem um código verde, se essa letra fizer parte da palavra mas estiver no sítio errado, recebem um código amarelo. Têm 6 tentativas para adivinhar e só é lançada uma palavra por dia. Também já existem versões em português.

Claro que, depois do sucesso de Wordle, surgiram logo outras derivadas, portanto, vou partilhar convosco mais duas que faço diariamente: o Heardle, em que têm de adivinhar a intro de uma canção no menor tempo possível e em 6 tentativas; e o Globle, em que têm de adivinhar o país mistério! Sei que já existem muitas mais versões e derivadas, mas não posso ter conhecimento de mais nenhuma porque estas já me ocupam tempo digital suficiente! 


Quando o Diogo disse que tinha um miminho para mim, eu estava completamente longe de imaginar que ele tinha realizado um pequeno sonho de consumo meu: ter uma verdadeira cesta de piquenique. Piqueniques são das minhas atividades preferidas e a chegada da primavera e do verão são sempre as estações perfeitas para organizarmos alguns. Até à data, improvisávamos com as nossas cestas, mas agora que tenho esta, estou desejosa de a usar, já com loiça, toalhas e um aspeto para lá de amoroso. Não parece uma cesta para bonecas? Foi o presente perfeito de alguém que está sempre atento aos detalhes – e que, por isso, sou-lhe muito grata.


Não consigo imaginar uma colaboração mais incrível do que a da IKEA com a LEGO. É o sonho! Aproveitei uma ida ao IKEA para ver o resultado desta colaboração e comigo veio logo a caixa de arrumação. É simples e é isso que me faz gostar tanto dela: tem a referência fun da LEGO e a funcionalidade de uma simples caixa branca – e até não me importava que existisse em mais cores! Está na minha secretária para guardar todas as tralhas soltas de papelaria e acho que dá muita personalidade à decoração!

playlist
______________________________

Março teve tantos momentos e contornos que me pareceu ter durado uma vida. Começou ainda com um pé na Suíça, mas rapidamente regressámos à rotina e às semanas intensas de trabalho. 


Este é um mês recheado de aniversários na minha agenda, e celebrei cada um deles com o mesmo entusiasmo de sempre (alguns mais de perto, outros à distância). Foi o mês dos presentes pensados ao pormenor, do brunch em casa e de estar com amigos, entre lanchinhos, passeios e jantares muito aguardados. 


Estive a todo o vapor no trabalho, com um pulo rápido ao Porto, que me faz sentir sempre bem recebida – o calor afável do Norte -, mas, tirando a vertente profissional, senti que os Spring Blues (existem, sabiam? Eu só o soube quando a minha psicóloga disse que era uma sensação real, tal como os Winter Blues – esses já conhecia!) chegaram em força (misturados com toda a adaptação que tenho feito para voltar a contactar com doenças neurológicas, agora, de uma forma muito mais pessoal, no lugar do familiar - e é muito difícil despir a bata, mesmo a figurativa...) e senti-me a meio-gás em tudo o resto da minha vida. A rotina de treino não foi ótima e estou a aprender a ter momentos de descanso e a ouvir o meu corpo sem me sentir culpada por parar. É um treino, sem dúvida, mas com calma, paciência e respeito por mim própria, lá chegarei. 


Tirando a reta final da viagem, foi um mês marcado por momentos simples, mas que me fizeram muito bem; os passeios matinais pela cidade e pelo mercado municipal, as tulipas que foram florindo cá em casa, os jantares de sexta-feira que eu tanto aguardo, fazer companhia no espetáculo 'Conversas de Miguel' (e ir sem pretensões, só para me divertir e rir) as chamadas entre amigos, as minhas leituras e momentos com a Belka. 


Sinto que o mood deste mês foi condizente com o clima; esperamos sempre que março traga os primeiros raios de sol e dias azuis e bonitos, mas este ano surpreendeu-nos com dias empoeirados, céus nublados e chuva (e comigo, cá dentro, aconteceu o mesmo). Mas, às vezes, é mesmo isso que precisamos: um bocadinho de chuva fora de época para salvar as nossas raízes e florir em força. 

Abril, deixa-nos florir.

2 comentários:

  1. Inês!!!! Adoro a estética destes Favoritos. E sabes que adoro sempre ler-te. Sinto-me mais próxima. Beijo bom

    ResponderEliminar
  2. Que mês e fotos tão bonitas! Que Abril seja ainda melhor. Beijinhos. 🤗

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)