quinta-feira, 10 de março de 2022

LIVROS | Estar Vivo Aleija


Publicado em 2018, Estar Vivo Aleija é uma compilação das melhores crónicas publicadas por Ricardo Araújo Pereira para o jornal brasileiro Folha de S. Paulo. Como já é habitual, das suas crónicas podemos esperar as mais variadas reflexões sobre o mundo e a atualidade, onde temas triviais convivem em perfeita harmonia com assuntos e figuras da maior relevância. 

Uma desvantagem que encontrava nestas compilações do humorista – e, na verdade, neste tipo de livros com crónicas de jornal compiladas – era a validade de certos temas. Não foram raras as vezes em que li compilações de crónicas já datadas, sem relevância à luz dos dias de hoje. Estar Vivo Aleija foi, de todos, a compilação mais intemporal que já li do RAP, e alguns textos com uma sensibilidade poética que ainda não tinha identificado no autor, até então. 

Textos simples, análises sempre com o seu sofisticado toque de humor e reflexões que nos convidam a pousar o livro depois de acabar um texto e deixá-lo ‘marinar’ no nosso cérebro. Foi o meu preferido dele, até à data!

WOOK

Bertrand

Este artigo contém links de afiliada.

2 comentários:

  1. Adoro o RAP mas ainda não li nenhum dos livros dele. Já tinha curiosidade sobre este, mas agora que li a tua opinião fiquei ainda com mais vontade :)

    Não Digas Nada a Ninguém

    ResponderEliminar
  2. Muito feliz com esta review, porque comprei-o há uns dias! Pela sinopse também tive essa impressão de que as crónicas deste eram mais intemporais :) As do 'Idiotas Úteis e Inúteis' já são mais políticas e com muito Bolsonaro à mistura.

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)