terça-feira, 24 de julho de 2018

PASSAPORTE || Fiordes


É uma das palavras-chave da Escandinávia e refere-se ao fenómeno em que um braço de mar circula entre as montanhas. Os fiordes são umas das atracções turísticas naturais mais típicas das regiões nórdicas e o que os torna deslumbrantes é que cada fiorde é completamente diferente do outro, e a paisagem pode ser muito distinta de região para região.

Embora exista um fiorde em Oslo, achámos que faria mais sentido desfrutar da experiência em Tromsø, onde não faltam fiordes e o ambiente é mais sossegado e natural. Existem várias formas de fazerem um passeio pelos fiordes mas os mais comuns são em caminhadas ou trilhas — onde caminham pela montanha — ou num passeio de barco, onde têm uma visão magnífica e ampla para os vales. Para um passeio de barco também existem opções variadas, desde barcos maiores e que comportam múltiplos passageiros a, como nós optámos, um barco pequenino só para nós — e para um turista americano que estava a viajar sozinho —, o que tornou toda a experiência mais reservada e especial.


Confiámos na Arctic Cruise in Norway AS para realizar o nosso passeio. Partimos de manhã para um passeio de três horas a cruzar o mar e a observar as montanhas. Com o barco só para nós e um piloto bem disposto — embora muito cauteloso, uma vez que, no dia da nossa visita, apanhámos ventos muito fortes e isso exigiu escolhas criteriosas no caminho ideal para o passeio — as condições estavam mais do que reunidas para fazer um passeio fantástico. O mar estava bastante picado numa parte da trajectória, o que deixou muita gente que estava no convés mareada e enjoada — pelo que deixo já o conselho de que, se enjoam facilmente nos barcos, optem sempre pelos andares superiores —, mas tenho de admitir: estava na maior, zero enjoos e pronta para a minha aventura preferida em toda a viagem.


Ver fotografias de fiordes é bom. Estar lá é indescritível. O nosso barco tinha uma rede que nos permitia deitarmos em cima e observar o mar por baixo — este tipo de estruturas é muito típico nas caraíbas, por exemplo — e não resisti em encher-me de coragem e sentar-me ali, mesmo com a brisa potente e com a consequência mais previsível: encharcar-me. Não mergulhei, mas posso dizer que já tomei banho no mar nórdico! Isso não me tirou o sorriso nem o entusiasmo e deslumbramento dos olhos. Estava gelada, mas nunca me tinha sentido tão viva.


Resguardei-me no andar superior com mantas, meias quentinhas e um chá preto nas mãos — e se têm vindo a acompanhar as publicações da Noruega, nem preciso dizer qual —. Ao nosso redor, só existiam montanhas que nos faziam esquecer que estávamos em Junho. Os cumes cheios de neve, como uma pitada de açúcar em pó. O mar negro e opaco, possante, com o som das ondas a dar o toque final para um momento tranquilo e especial. Ali, sentimo-nos pequenos pela imensidão do mar, pela enormidade das montanhas. Com as minhas mãos quentes do chá, senti os meus problemas de primeiro mundo a voarem ao sabor da brisa gelada que os transportou para longe de mim. Eu não imaginava que este passeio podia ser tão bom.



A meio da viagem, o piloto desloca-se para a cozinha para preparar uma sopa de peixe típica norueguesa. Está incluído na aquisição do passeio e é um pormenor que faz toda a diferença e torna a tour mais especial. Sentados à mesa e com uma sopa fantástica à disposição, não faltou conversa, perguntas — afinal de contas, havia um piloto norueguês e um turista americano para conhecer —, e uma vista como nunca vi igual para acompanhar. 



Esta foi a forma como escolhemos conhecer os fiordes. E olhando para trás, evocando as memórias, os cheiros, os sons, as fotografias e os vídeos, sinto que não podia ter sido de outra forma. Recomendo milhões de vezes esta empresa extraordinária.

8 comentários:

  1. A região da Escandinávia está no topo da minha lista e é daquelas viagens que já planeio há algum tempo. E, por isso, foi muito bom ler esta publicação.
    O teu blogue é - e duvido que deixará de o ser tão cedo - um dos meus lugares online preferidos, Inês. E nas publicações do Passaporte, consigo sempre transportar-me um pouco para os sítios por onde passas, porque a tua descrição é muito viva e rica de sensações.
    Durante esta minha ausência da blogosfera, este é o espaço que mais pena tenho de ter deixado de acompanhar e sei que perco com isso. Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Bobby Pins não é um espaço exclusivo e está aberto a todos os leitores (quer eles escrevam ou não)! Mesmo que, neste momento, escrever num blog já não faça tanto sentido para ti, espero que saibas que o Bobby Pins está sempre de braços abertos para te receber! Mas confesso, tenho saudades de te ler! :)

      Eliminar
  2. Uau! Que vontade de me transportar para lá e acompanhar este passeio de perto *-*
    Se fiquei encantada - e sem palavras - ao ver as fotografias, nem consigo imaginar ver tudo ao vivo

    ResponderEliminar
  3. Que incrível, Inês!
    Deve ter sido uma experiência fantástica. Tu fazes-me sentir como se estivesse a viajar contigo :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Magnífico. Todo e qualquer destino que tenha o mar presente será sempre diferente, mais cativante, pela paz que me transmite. E a sua grandeza que se faz ver nestas tuas publicações faz da Noruega um novo destino de sonho para mim. Desconhecia toda esta grandeza e esta beleza na simplicidade!

    ResponderEliminar
  5. Adorei ler este teu relato e fiquei com imensa vontade de fazer um passeio destes ^^ Se já antes queria visitar um país escandinavo, agora ainda quero mais *.* A parte da rede e o facto de servirem chá a bordo conquistaram-me :D

    ResponderEliminar
  6. Estás tão bonita e jovial nestas fotografias! Denota-se o quão pacífico é que foi tirar essas férias e conhecer o melhor que a natureza tem para nos dar! Nem imaginas o quão serena estou ao ler-te e o quão arrepiada, ao mesmo tempo, embora estejamos no verão. Bebo chá o ano inteiro, mas estes relatos acrescentam ao sentimento a vontade de me enroscar algures e aí ficar! És espetacular por nos conseguires arrancar estas emoções! ❤️

    LYNE, IMPERIUM

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)