quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

PASSAPORTE || Poço do Inferno


Uma pequena relíquia escondida a caminho de Manteigas, o Poço do Inferno. Em pleno centro da Serra da Estrela, podem encontrar uma lagoa com uma queda de água gigante de 10 metros de altura e que deslumbra qualquer um pela sua imponência e encanto.

Podem chegar ao Poço do Inferno através dos acessos de carro ou pedonais, embora ambos sejam complicados — a estrada é muito estreita e praticamente só passa um carro —. Porém, o desafio vale a pena (e há um largo onde podem estacionar e apreciar a vista para o maior Vale Glaciar da Europa).


Assim que estacionámos, alguns metros ainda de distância, ouvimos o som da queda da água, um som que, como já sabem, me faz relaxar. O Poço do Inferno não é a única cascata que podem encontrar por ali; existem, pelo menos, mais três pequenas quedas de água que podem explorar.



Para chegarem de perto do Poço do Inferno, há umas escadas improvisadas na pedra e uma ponte que terão de passar. Desde já recomendo-vos sapatilhas de trilho ou atenção redobrada na hora de calcar estas pedras — são muito carecas e extremamente escorregadias —. Ao longo desta passagem, têm sempre disponíveis um corrimão para fazerem a travessia em segurança.


É de ficar sem palavras quando chegamos perto da cascata. Foi a maior que me recordo de ver e o som, a lagoa de água transparente e a paisagem montanhosa ao seu redor tornaram o espectáculo ainda mais inesquecível. Fica a vontade de regressar em meados de Maio, onde o calor já se sente, o verão se inicia e onde posso dar um possível mergulho naquelas águas sem ainda estarem gastas ou pouco profundas com o calor do pico do verão.

É um lugar para onde vale a pena perdem um tempinho a observar tudo com espírito de aventura. Existem inúmeras mesinhas de piquenique perto de todos os miradouros, onde podem aproveitar para descansar, petiscar qualquer coisa e ainda desfrutar da vista incrível. Inesquecível.

6 comentários:

  1. O Poço do Inferno é giro, mas tens muitas cascatas bem maiores no país :) Ir a banhos nessa custa muito! Nunca consegui, a água é gélida. Vai ao gerês, onde tens aquelas lagoas onde bate o sol todo o dia, são muito mais apetecíveis ;) Algumas delas são tão remotas (sem corrimões para te agarrares e uns kms para lá chegar!) que consegues lá estar sozinha... sabe tão bem!
    Cat

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Atenção que não disse em nenhum momento que a considerava a maior, apenas que nunca tinha visto outra maior. A água fria não me intimida, crescer em Santa Cruz tira-nos o medo de nadar em qualquer água gelada :D

      Já tenho o itinerário para o Gerês todo pronto (que inclui todos esses locais que referes) mas ainda não consegui reunir tempo suficiente para a visitar na altura que quero. Mas espero conseguir um dia, Cat :)

      Eliminar
  2. Eu também visitei o Poço do Inferno e achei lindíssimo :)
    Mas concordo com o comentário de cima, mal possas vai ao Gerês. As lagoas lá são qualquer coisa :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Oh wow <3 tantas visitas à Serra e nunca estive aí!

    E ao ler o comentário da Cat fiquei com vontade de voltar ao Gerês - tens mesmo que arranjar tempo para ir lá!

    Jiji

    ResponderEliminar
  4. Quando fui passar uns dias a Manteigas, há cerca de dois anos, a minha ideia era visitar o Poço do Inferno, mas, a meio caminho, tivemos que voltar para trás porque estava a ficar escuro e os acessos não são nada fáceis! :( Mas a promessa de lá voltar um dia mantem-se! Principalmente de ver as tuas fotografias! Realmente foi uma pena não ter conseguido ir!

    Beijinhos
    Andreia, ALL THE BRIGHT PLACES

    ResponderEliminar
  5. Adoro as fotos. Parece ser tão incrível, sem dúvida que um dia quero visitar :)

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)