terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

AMOR || Cinco.


A minha história preferida é a nossa. É daquelas boas, que arrancam sorrisos e suspiros. O nosso estranho aperto de mão resultou numa aventura que já dura cinco anos e, embora eu pouco tempo de antena lhe reserve por aqui, não podia deixar de assinalar esta data. Porque é o meu número preferido; porque sempre suspirei com admiração quando outros casais atingiam este marco; e porque (a razão mais especial) são os nossos cinco anos.

Cinco anos é infinitamente pequeno na vastidão do tempo e mesmo assim parece uma vida. É fantástico observar o quanto crescemos, individualmente e enquanto casal. É incrível pensar no quanto éramos miúdos (mais do que ainda somos) e que juntos já partilhámos tantas etapas, fases de vida, vitórias e derrotas. Confesso que não consigo esconder o orgulho que sinto por saber que, mesmo que algumas das nossas fases de vida não tenham acontecido ao mesmo tempo, fomos maduros o suficiente para as abraçar como nossas. Mantivemos a empatia e dedicação em cada momento e isso foi fundamental. Já não somos as mesmas pessoas que se conheceram naquele dia na cantina e, de uma forma surpreendentemente mágica e que não quero (nunca!) desvendar o truque secreto, amámos e apaixonamo-nos por cada nova versão de nós. Quão sortudos somos?

Fazemos uma relação na instabilidade do início da vida adulta parecer fácil. Fazemos uma relação à distância parecer fácil. Porque, de mãos dadas e segurança no que queremos, é fácil.

Uma mão cheia de aventuras, aprendizagens, decisões, gargalhadas, partilhas, boas notícias e dores divididas. De expressões faciais lidas como ninguém, de cumplicidade, de muito sentido de humor, surpresas, presentes sem preço e abraços firmes quando o mundo desaba. Cinco anos a preparar cada momento a dois como se fosse o primeiro. De apoio incondicional a cada sonho, projeto ou prova. Cinco anos de mestria a tirar croquetes a mais para o outro não passar vergonha por ir à mesa dos salgados pela 13ª vez.

Gosto de nós e admiro-nos. O que conseguimos criar, as barreiras que ultrapassamos, os esforços que, pelo outro, não custam nada e significam tudo. Gosto que sejamos uma equipa e que nos acrescentemos sem nos engolirmos. Cinco anos a amar-me, admirar-me e a respeitar as minhas fragilidades. 

Ele faz todos os clichés parecerem novidade. As juras de amor não serem pirosas. As declarações não serem demais. E a vida parecer mais doce, mesmo quando insiste em ser amarga. Todas as músicas de amor falam sobre nós e não faz sentido amar de outra forma que não a instruída por Álvaro de Campos: ridiculamente. Amar é abrir as portas de uma casa cá dentro de nós que nem sabíamos que tínhamos. E entrar noutra com os pés bem limpinhos no tapete de entrada. Ele é a minha casa em qualquer lugar e, na impossibilidade de desdobrar tudo o que sinto por ele e pela nossa história, reservo-lhe um último agradecimento pela nossa relação harmoniosa, amizade sólida e companheirismo. O futuro é sempre incerto mas tenho a certeza de que estou grata por dividir a minha existência com ele. Ele sempre disse que eu tenho mais jeito para escrever do que ele mas, nesta história, quero que sejamos sempre os dois a segurar na caneta.

A nós.

10 comentários:

  1. Muitos parabéns aos dois :)
    Que continuem a escrever a vossa história de amor durante muitos, muitos anos!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns e que continuem a ser muito felizes! <3

    ResponderEliminar
  3. muitos parabens por esta data! nuitas felicidades

    ResponderEliminar
  4. muitos parabéns e muitas felicidades (:

    ResponderEliminar
  5. que sejam sempre assim e nunca percam esse brilho <3

    ResponderEliminar
  6. Parabéns aos dois. Que a vossa história seja sempre tão bonita!

    ResponderEliminar
  7. Muitos parabéns aos dois <3. Notam-se que são um casal muito feliz e que se complementam um ao outro. Uma inspiração, derreto-me com as vossas fotos <3.
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  8. Que bonito, acho incrível quando existe amor e não são aquelas pessoas que "só namoram" um dia minha Vaz vai chegar kkkk.
    Estou dando uma olhadinha no seu blog ksks, tô amando.

    ResponderEliminar
  9. Tão bonito :D Parabéns pelo vosso amor

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)